A tendencia é ser feliz!

domingo, 29 de maio de 2011

Aniversário do Bruninho 4 aninhos!!!

Oiiii, to muito feliz pelo dia de hoje meninas, meu bebê ta fazendo 4 aninhos de vida!

Sexta-feira (27/05) levei um bolinho prá comemorar o niver dele na escolinha, ele ficou mega feliz, não se cabia de tanta felicidade em compartilhar com os amiguinhos novos sua festinha, pedi prá professora tirar varias fotinhos dele, pelas fotos vi que ele se divertiu muito, a carinha dele não negava...tava com uma carinha de sapeca que só vendo..rsrsrs

Mas antes de tudo isso, eu que não me aguentava de tanta ansiedade, fiquei tão nervosa, queria que desse tudo certo, graças a Deus foi tudo bem.

Recebi vários elogios pelo bolo( que não fui eu que fiz)hehehe...mas ta valendo, ficou muito bom mesmo, foi do jeito que ele pediu, tinha que ter morango no recheio, e o tema do Mickey, mas acabei pedindo que a moça colocasse a Minie tbm no bolo, pois tinha umas amiguinhas que faziam aniversário naquele dia, então cantaram parabéns prá todos, mas ficou tudo muito lindinho, gostei mesmo.

Hoje apesar de ser o dia oficial dele, só teve um bolinho básico aqui em casa, que ele me pediu prá fazer, festa mesmo só na semana que vem, ah mas o importante é que ele está lindo, esperto, com saúde e feliz!

É isso, eu tinha que postar uma notinha falando sobre o niver dele..rsrsrs

bjos
Boa noite!  :)

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Excelente esta nota q saiu hj no jornal.

Líder da Frente Parlamentar Evangélica, o deputado João Campos (PSDB - CE) confessa que o apoio ao ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, foi usado como moeda de barganha pelos religiosos contra o kit anti-homofobia do Ministério da Educação.
- Nós reunimos, nesta terça-feira (24), a bancada evangélica e a católica, decidimos impor uma série de condições. Se o governo insistisse em manter o kit, bloquearíamos a votação na Câmara e apoiaríamos a convocação do ministro Palocci para dar explicações - relata Campos. 
Depois da ameaça das duas bancadas - que somadas têm mais de 90 deputados e 4 senadores - o secretário-geral da Presidência da República, ministro Gilberto Carvalho, convocou os parlamentares e anunciou o recuo do Planalto em relação ao material. "A presidenta
 
Dilma não gostou dos vídeos, achou o material inadequado, e determinou que não circule oficialmente. Estão suspensas todas as produções de materiais que falem dessas questões", disse o ministro. 
Uma semana antes, o ministro da Educação, Fernando Haddad, havia anunciado que manteria o kit sem alterações, mesmo com a pressão dos religiosos. Campos avalia que houve uma mudança de posição no Planalto. "É claro que o governo se sentiu ameaçado porque está num momento delicado com Palocci, mas é esse o jogo político. Não quiseram nos ouvir antes, agora ouviram". 

segunda-feira, 23 de maio de 2011

meu primeiro selinho!

Oiiii to tão feliz!!!
Ganhei esse selinho da minha mais nova amiga Naira, fiquei mega , blaster feliz, espero poder retribuir esse carinho que está tendo comigo, como vc comentou no seu blog, vc acredita em amizades verdadeiras mesmo sendo virtual, eu tbm acredito nisso, sei que uma amizade pode dar certo assim tbm. Acho até que já deu certo!!!..rsrs
Beijão prá vc

Oque será dos nossos filhos????

Olá

Hoje escrevo toda a minha indignação nesse blog, por conta de uma reportagem que assisti hoje no jornal da Record, falando sobre homofobia nas escolas, gente eu simplesmente fiquei ali parada em frente a tv assustada com aquela reportagem, não sei se vcs viram, mas eles colocaram alguns videos que supostamente serão soltos nas escolas para que as crianças tenham noção do que é ser homossexual, e que isso é uma coisa totalmente natural, simplesmente como se tudo que estava passando ali naquelas imagens fossem normais aos olhos de uma criança, de 10, 11 ou 12 anos de idade.
Gente que País maluco é esse que estamos vivendo, antigamente nos sentiamos acolhidos na escola, assistiamos videos pedagógicos, filmes que falavam sobre a nossa história, aprendiamos a cantar o hino nacional,  coisas que realmente serviriam prá nossa vida lá na frente, e não um video onde uma garota simula beijar a outra na boca e o Sr. André Lázaro dizer em tom sarcástico que ainda não sabiam se mostrariam o video todo em que a menina enfia a lingua na boca da outra.
E pior de tudo, terem gasto mais de 3 milhões de reais , dinheiro que poderia ter sido gasto em melhorias nas escolas, em um projeto que vai ensinar seu filho que é legal ser gay, que é normal meninas beijarem meninas e meninos se relacionarem com meninos, ainda simulando uma transa entre garotos da mesma idade.
Isso me deixou muito irritada, eu não tenho preconceito algum, o problema é que eu mando meu filho prá escola prá que ele aprenda coisas boas que vão servir para o futuro dele, e não prá assistir a esses videos prá deixar a cabeça dele totalmente confusa e deixa-lo constrangido, eu acho que isso cabe a nós 'familia'explicar aos nossos filhos o significado dessas coisas e não a escola querer passar esse tipo de video que prá mim foi um incentivo e não uma prevenção.
Se isso foi um ato de querer melhorar o bulling nas escolas, vai piorar e muito a situação.
Muito me deixou espantada saber que o Sr. Gustavo Hadad, ministro da educação, tenha aprovado uma coisa dessas. E pior parece até motivo de risinhos quando falam do tal programa, num País onde punimos a pedofilia, me aparece uma cara tirando sarro da situação em rede nacional e ainda dando premios aos autores dos videos, sinceramente to decepcionada com as atitudes desse governo.


A palavra de Deus nos diz ensina o menino no caminho que ele deve andar e ele não se desviará dele.

Não tenho nada contra a opção sexual de cada um , mas não podemos admitir que escolas onde nossos filhos são encaminhados para serem educados, se transformem em prostibulos infantis
Quanto a nossa Presidente Dilma o que esses homens querem e bagunçar seu governo, como quem quer dizer que onde governa mulher , pode-se fazer o que quizer. desmoralizando sua autoridade e integridade.
Falo como mulher , mãe e filha que zela pela educação e bons costume dos nossos filhos e de nossa familia.

Se eu tiver escrito algo a mais e que alguém não concorde vai de cada um, a minha opinião é essa.




QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DE NÓS E DE NOSSAS CRIANÇAS .

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Blogagem coletiva - Amamentação


Bom depois de ler alguns posts sobre amamentação resolvi falar um pouquinho sobre a minha experiência no assunto.
Quando eu tive meu primeiro filho eu tinha apenas 22 anos, tinha um medo enorme de amamentar, sofri muito de inicio, meu peito rachou, sangrou, mas eu não desisti de amamentar, fui corajosa e continue a amamentação, depois de um tempo eu já não sentia mais dor alguma, comecei a sentir prazer em alimentar aquela coisinha tão preciosa que Deus havia me dado, puxa vida as vezes eu parava prá pensar e ficava olhando enquanto ele mamava, com aquela boquinha tão gostosa. Me sentia super importante por Deus ter me dado a oportunidade de alimentar aquela pequena vidinha. Amamentei  até ele completar 1 ano e 1 mês. Hoje ele está com 10 anos, um menino que nem gripe pega, cresceu forte e sadio, e acho que o leite materno ajudou e muito para o desenvolvimento dele.
Agora quando eu tive meu segundo filho, eu tive tanto leite, mas tanto leite, tinha que tirar todo hora porque meu bebê não dava conta de tomar tudo..rss, mas como já tinha um pouco mais de experiência não sofri tanto de inicio, infelismente quando ele tinha 2 meses de vida teve que ser internado as pressas, pois os médicos diagnosticaram que estava com meningite, eu quase morri quando soube dos exames, não acreditava que meu pequeno estava naquela situação, ele era tão espertinho e eu estava amamentando ele certinho, não tenho a minima idéia de onde ele havia pego essa doença. Ele ficou na UTI por 15 dias e 7 deles em coma induzido, e meus peitos vazavam de tanto leite, era eu chorando e os peitos vazando, parecia que meu bebê estava querendo meu leite, era isso que eu sentia, por fim acabei tirando o leite e guardando no banco de leite do Hospital. Quando meu filho saiu do coma que começou a se alimentar, a médica queria dar leite industrializado prá ele pela sonda, mas eu comecei a insistir prá que ela desse o meu leite, a médica afirmou que ele não tinha forças prá sugar meu peito e que eu não poderia amamentar ele tão cedo. Eu chorava muito, me desesperava todas as vezes em que eu via meu filho sendo alimentado pela sonda, até que um dia eu implorei prá ela deixar eu tentar amamentar ele, e ela vendo meu sofrimento deixou, mas ela continuou afirmando, que ele não conseguiria sugar.
Mas Deus foi tão maravilhoso que fez um milagre naquele momento e meu filho juntou todas as forcinhas que ele tinha e conseguiu sugar, bem pouco mas conseguiu. Até os médicos ficaram impressionados por ele ser tão pequeno e ter ficado tanto tempo entubado e ainda mais com uma doença tão grave, ainda ter conseguido sugar. Sinceramente eu acho que  amor de mãe salva e o meu leite ajudou e muito na recuperação do meu pequeno, eu sempre falava isso no hospital, por fim ele ficou internado por 35 dias, saiu bem debilitado de lá, mas eu continue com a amamentação, insisti muito prá que ele voltasse a sugar como antes. Hoje eu te digo que meu filho é um vencedor, vai completar 4 anos de vida, mamou até 1 ano e 8 meses, bastante tempo né?
Mas posso te dizer uma coisa amamentei com amor, e foi esse amor que ajudou meu filho a se recuperar.
Um amor que Deus só fez aumentar, dia após dia, hoje se eu não contasse oque houve com meu filho, ninguém nunca saberia, porque quando Deus faz um milagre nunca é pela metade, por isso hoje ele é essa criança esperta, linda e sapeca que todo mundo conhece e que me dá um mega trabalho..rsrsr
É essa é a minha experiência em amamentar, uma experiência com final feliz!
Bjos

Ser mãe também é estar no paraiso!!!

Olá queridos!

Quero dizer as vocês mamães de plantão que; ser mãe é também viver no paraiso.
Essas ultimas semanas vive um impasse terrivel, pois coloquei meu filho que vai completar 4 aninhos na escola, mas como podem ter visto outros posts, eu estava aflita, confusa, chorosa, me achando a pior mãe do mundo, mas hoje posso dizer que me sinto feliz e aliviada, pois o pequeno enfim se adaptou!
Aleluiaaaaaa!!!
Essa semana eu fiquei pensando; se ele não conseguir se adaptar não vai ter jeito, mas ele está conseguindo gostar da escolinha, tanto que ele pediu prá não faltar, porque essa semana vai ter uma comemoração da familia, e as professoras vão fazer uma pequena homenagem prá gente, achei tão lindo da parte dele, dizer que não queria faltar!
Mãe é fogo, num tem jeito, chora quando o filho chora, e fica contente quando eles estão contentes, mãe é isso tem que vivenciar, participar, se derreter, e morrer de amor por essas coisinhas fofas que Deus nos Deus.

Puxa vida to orgulhosa viu, achei que não conseguiriamos, mas Deus nos ajudou e está dando tudo certo.

Tudo com amor, paciência e carinho se resolvem!
Boa tarde
bjos

domingo, 15 de maio de 2011

Mamãe quase entrou em pane!

Como é bom rir não é verdade?!
Pois é, hoje meu filho mais velho me fez rir tanto que quase fiz xixi nas calças, ultimamente eu ando tão atrapalhada, que ando dizendo coisas absurdaaaaaaaaaaaas, vou contar prá vcs.

Essa semana tinha um grupinho de meninos jogando bola próximo a minha casa, só que eles toda hora batiam a bola no portão da minha casa, foi então que eu sai na janela e gritei; " Parem de jogar a porta no portão!'' Ai meu filho disse, mamãe não seria a "bola", depois que eu vi a besteira que falei me deu um acesso de riso, eu não conseguia parar de rir, e fora que meu filho disse,"mãe eles estão rindo de vc, que mico''...
Mas não acabou por ai, meu filho tem mania de dormir com relógio no pulso e todas as noites eu tenho que lembra-lo de tirar o danado do braço, ai a noite passado eu fiquei tão irritada de ver ele com o relógio que disse prá ele " menino, tira esse braço do braço agora!!!", foi então que meu filho disse mãe vc tá que tá hein, não seria "tirar o relógio do braço"? Gente do céu eu ria tanto que quase fiz xixi nas calças de novo, oque será que está acontecendo comigo???
Será que é estresse acumulado ou falta de leitura mesmo!?kkkkkkkkkkkkkkkk

Mas me falem, quem não fica maluca com essas crianças, chega uma hora que nós mamães entramos em pane geral, acho que é isso que está acontecendo comigo.

Mas vejo que isso é de familia, uns dias atrás estavamos saindo prá levar o Denis na aula de guitarra, quando o Bubu disse, "mamãe, vc esqueceu de pegar o liquidificador do Denis!", mas que liquidificador? Não seria o amplificador???

Ontem ele me disse, "eu quero suco de macaruja!"

Como assim??? Não seria suco de maracujá!

Eu não poderia esquecer do playstation, o jogo que ele mais gosta  é o Mortal Kombat, e sabem o personagem preferido dele? Por acaso vcs conhecem Baraka?(não sei bem se é esse o nome) mas outro dia ele disse mamãe eu quero jogar aquele jogo que tem o Baraka Obama! Ou seja eu nem  sabia que ele estava no jogo!?kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ai gente só rindo mesmo dessas pérolas familiares.

Mas tem coisa melhor do que rir?! Coisa boa né!

Boa noite com risos prá vcs!

bjos

sábado, 14 de maio de 2011

Desabafo de uma mãe confusa...

Boa noite!
Cá estou eu depois de uma semana conturbada, Bruno passando mal, febre, dores na barriga, tosse e prá piorar diarréia, só porque ele estava começando a gostar da escola! Puxa vida, tinha que acontecer tudo de uma vez???
Mas por fim levamos ao médico, já está medicado, tomando todos os remedinhos prá melhorar logo, mas uma coisa que me deixou intrigada a escrever esse post foi que, eu estava fuçando no blog de algumas amigas e vi um post que ela escreveu a pouco tempo, falando sobre a filha dela que não tinha se adaptado a escola, depois que li tudo me senti a pessoa mais cruél do mundo!!!

Vocês vão entender o por que?!

No post ela diz que a filha dela não conseguia se adaptar a escola, e que todos diziam prá ela;'' é assim mesmo, logo ela acostuma'', mas ela começou a achar que estava fazendo a filha dela sofrer. Pois a menina chorava demais, e que ela ainda era muito nova prá entrar naquele mundo novo sem necessidade!

A pergunta é.

Será que eu estou fazendo mal ao meu filho levando ele a escola sem vontade própria???

Sei que é ótimo pro desenvolvimento da criança, que ele vai aprender muitas coisas, vai brincar bastante, vai ter varios amiguinhos, mas será que isso não vai mexer com o psicológico dele?

Ai...ai...me senti frustrada agora, faz um mês e meio que meu filho está indo a escola, ele ainda vai completar 4 aninhos esse mês, sei lá...eu achando que seria tudo muito fácil, mas por dentro eu tbm estou sofrendo, em todo esse tempo ele só não chorou prá ir a escola umas quatro vezes, de resto foi sempre chorando, será que tem algo que está prejudicando ele?

Caracas, to super confusa agora, to mesmo.

O que fazer? Depois desse fim de semana vou decidir se ele continua ou não, eu sou meio durona, mas ao mesmo tempo super protetora, meus filhos são minha vida, e se eles sofrerem eu sofro junto, quantas vezes eu vim embora prá casa depois de ter deixado o meu pequeno na escola e vim com lágrimas nos olhos, doida prá voltar e pegar ele de volta.
Sei que não criamos os filhos prá gente, aquele blábláblá, mas são meus! E como ainda são pequenos eu decido por eles, e faço por eles oque for melhor.

Sei que as vezes posso ser protetora demais, me chamam de mole, falam que eu não tenho pulso firme essas coisas...mas eu não quero ser como todo mundo, quero ser eu mesma, criar meus filhos com amor, ser chamada de mamãe por eles até quando eu estiver velhinha...ai vou saber se tudo isso valeu a pena, é isso.*

terça-feira, 3 de maio de 2011

Mudar faz bem!

Olá!
Bom eu não sei vocês, mas eu adoro mudanças, adoro me sentir bonita, não ligo muito prá opinião dos outros, faço aquilo que eu gosto, e se não estiver bom, vou lá e mudo de novo!kkkkkkk
Não que eu seja insatisfeita comigo, não me acho feia, gosto de mim, me cuido muito (menos do que eu queria) mas acho que toda mulher muitas vezes sente vontade de mudar algo em si própria.
Eu sempre fui assim, ainda mais com o cabelo, prá que me apegar, cabelo cresce minha gente!
Morena, loira, ruiva...mudar e mudar...faz parte da vida.

Essa sou eu hoje, a capa pode mudar, mas a essência jamais!